Translate

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Fato Público e Notório

Os problemas causados pela poluição ambiental
são fatos públicos e notórios. 
Isto não é 
uma redundância. 

Muita gente considera a expressão "público e notório" uma redundância, mas isto é um equívoco. Ocorre uma redundância numa expressão quando esta contém duas ou mais palavras para se expressar um significado ou uma ideia para qual basta uma palavra. Um exemplo disto é "subir para cima", na qual as palavras "para cima" não são necessárias porque o verbo subir já indica movimento para cima. No caso de "público e notório" não há redundância porque são duas palavras com significados específicos que se complementam para destacar o significado principal da expressão.
"Público" é tudo que é destinado ao povo, de uso geral de uma população ou o que se torna conhecido publicamente. Vem daí o verbo "publicar", que significa tornar um fato conhecido pelo povo ou pelo menos por muitas pessoas. No entanto, muitos fatos consiuderados de conhecimento público podem ser discutidos, causam dúvidas e sua veracidade pode ser contestada. "Notório" é algo que se torna público, mas que é considerado como uma realidade que não se pode contestar. 

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

O "e-commerce"

Um tema atual
para você treinar em casa.

Se você é estudante de ensino médio, participou do Enem 2018 e conseguiu notas elevadas, parabéns, mas veja vem: o Enem já passou, você obteve sucesso, mas tem que continuar a atualizar seus conhecimentos, estudar muito, ler muito, informar-se muito e escrever muito. É importantíssimo continuar a treinar fazendo redações em casa para aprimorar ainda mais a sua técnica. 
É claro que a escolha do tema para a redação é muito importante, mas não basta que seja apenas um tema do qual você gosta. Lembre-se: o que você escreve, escreve para outras pessoas lerem, não para você mesmo ler. Portanto, o tema a ser escolhido tem que ser o que é mais importante para a maioria das pessoas. Algo que esteja relacionado às novas necessidades e às novas atividades causadas pelas mudanças no mundo atual. O e-commerce, por exemplo, é um tema interessante.
Nos países lusófonos (onde o português é o idioma oficial), o nome desse novo tipo de comércio é "comércio eletrônico". Seu nome em inglês é uma abreviação de "electronic commerce". Como o próprio nome indica, é uma atividade comercial feita através de equipamentos eletrônicos (computadores, celulares, etc.) que, graças à tecnologia da informação, tem se tornando altamente relevante para a economia nacional e a economia mundial.
Todas as novidades, todos os avanços, trazem como consequência novas necessidades de adaptações das empresas, dos funcionários e dos profissionais de todas as áreas. Na verdade o comércio eletrônico não envolve apenas a compra de produtos através da Internet. Trata-se de uma transação que também envolve a necessidade de buscar mais informação, um fator importantíssimo para o consumidor não se tornar vítima de golpes. De qualquer forma, a criação de lojas online não é apenas uma atualização das atividades empresariais e comerciais, é uma nova alternativa que gera outras alternativas referentes às tendências de desejos e necessidades dos consumidores e, consequentemente, dos fornecedores.
Leia mais sobre o assunto em jornais, revistas, etc. Familiarize-se mais sobre o tema, pois ele atualmente é de seu interesse como consumidor e futramente será importante para a profissão que você exercerá, seja esta qual for. 

quarta-feira, 31 de outubro de 2018

"Associativismo" e "Cooperativismo"

O associativismo
é a defesa de interesses.
O cooperativismo
é a base das atividades econômicas
para essa defesa.


A situação econômica do Brasil continua difícil. Agora, então, com a aproximação do início de um novo governo, as expectativas nessa área são muito intensas. Em situações assim, vários temas relacionados à economia podem ser temas propostos para redações no Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), cujas provas este ano serão realizadas nos próximos dias 4 e 11. No dia 4 serão feitas as provas de "Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias e Redação".
Na maioria das vezes, falar sobre economia no Brasil é falar sobre problemas econômicos. Numa redação, ao abordar esses temas, é importante apresentar propostas para as soluções. No Brasil, o associativismo e o cooperativismo são os recursos mais comuns na busca dessas soluções. Por isto, esses dois assuntos sempre têm grandes possibilidades de serem um tema para redação. "Um tema", pois ao abordar um deles tamb[em é preciso abordar o outro, pois são duas coisas diferentes mas relacionadas entre si. 
O associativismo é uma tendência de trabalhadores, profissionais de uma determinada área de atividade, etc., se congregarem em associações representativas de categorias. Entre as associações mais conhecidas com essa finalidade estão os sindicatos, que existem para coordenar a defesa de interesses econômicos e profissionais.  O associativismo precisa ser realizado de modo que se relacionem as consciências individuais e coletivas aos interesses e direitos individuais e coletivos, destacando a necessidade de agregação e conjunção de esforços sem negligenciar as bases de organização da sociedade.
O associativismo é uma das principais bases do cooperativismo, que é a participação propriamente dita dos associados nas atividades econômicas. O cooperativismo é, portanto, um movimento econômico e social, e isto o torna dependente do associativismo bem sucedido. Ele é a preconização para a associação de pessoas ou grupos com os mesmos interesses para obter vantagens comuns através de atividades econômicas.
Como a palavra já indica, "cooperativismo" é a formação de uma cooperativa. A cooperativa é uma associação economicamente organizada, estabelecendo direitos e deveres de cada um dos membros de acordo com legislações específicas e prestando-lhes serviços sem fins lucrativos. Existem cooperativas agropecuárias, de consumo, de crédito, educacionais, habitacionais, de infraestrutura, de mineração, de produção, etc. No Brasil, elas são relacionadas basicamente a 13 ramos da economia: consumo, sociais, trabalho, educacionais, transporte, agropecuária, saúde, crédito, habitacionais, produção, infraestrutura, mineração e lazer. No ramo de lazer inclui-se o turismo, embora também haja o turismo de trabalho (leia "O que é Turismologia").

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

"Negociação" ou "Negociamento"?

As duas palavras
estão corretas?


Sim, estão. Algumas pessoas enviaram perguntas ao Redafácil para tirar dúvidas. "Negociação" é a palavra mais utilizada, mas "negociamento" também pode ser usada com o mesmo significado.
Na maioria dos casos, a palavra "negócio" é empregada num sentido comercial: uma empresa, organização ou um plano para captação de recursos financeiros gerando bens e serviços. Em resumo: uma atividade econômica para gerar lucro. Entretanto, "negócio" é toda atividade que tenha efeitos jurídicos - ou seja, atividade realizada segundo normas de conduta e princípios que regulam as relações sociais. Da palavra negócio, derivaram o substantivo masculino "negociação", o substantivo feminino "negociamento" e o verbo "negociar".
"Negociar" pode ser o mesmo que "comerciar", "comercializar", realizar tranzações comerciais. A negociação pode ter objetivos comerciais, sociais, políticos, etc., num sistema em que as partes envolvidas dialogam diretamente, tal como sugere a foto que ilustra este artigo. Na Internet são oferecidos serviços de negociação em que não pode haver interferência de terceiros nas propostas das duas partes envolvidas (duas pessoas, duas empresas, dois governos, etc.). Nestes casos, são oferecidos apenas meios para que as propostas sejam encaminhadas de uma parte para a outra de forma mais fácil. 

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

As Diferenças entre "Capacitação Profissional" e "Qualificação Profissional"

Foto: Startupi
"Capacitação" e "qualificação"
são duas coisas diferentes.

O ensino médio não deve servir apenas para preparar o estudante para o curso de nível superior. Sua principal função é fazer com que o aluno tenha as bases necessárias para seu sucesso na vida profissional, seja qual for a profissão que ele escolherá. Num país como o Brasil, em que muitos estudantes de ensino médio estão concluindo o nível com dificuldades para fazer uma boa redação e para interpretar textos, é difícil acreditar que essa neta esteja sendo cumprida. Por isto, é extremamente lamentável que hoje em dia se fale tanto em "qualificação profissional" e em "capacitação profissional" mas nem sempre expliquem os reais significados dessas expressões. Há até mesmo "especialistas" que dão palestras sobre esses temas tratando-os como se tivessem o mesmo significado. No entanto, há algumas diferenças que os estudantes precisam conhecer desde o início do ensino médio.
Ao se falar sobre qualificação profissional, é necessário destacar a importância da discussão sobre "aprendizagem" e "conhecimento". São duas coisas que se relacionam e até dependem uma da outra, mas a aprendizagem é um processo de aquisição de competências, habilidades, conhecimentos e valores adquiridos através da formação profissional, do raciocínio, de experiências e de observação. Já o conhecimento é todo o conjunto de informações e noções adquiridos através de estudos e experiências. Portanto, o conhecimento não é o mesmo que a qualificação profissional, mas faz parte dela.
A qualificação profissional se refere à formação propriamente dita do profissional. Através dela, ele obtém as condições necessárias para comprovar suas condições de domínio de técnicas e habilidades para executar tarefas específicas da profissão. Por isto, é o item mais importante a ser incluído num curriculum vitae, pois revela o nível de escolaridade e as experiências acumuldadas do profissinal, confirmando sua especialização em determinada área de atividade.
Geralmente, a capacitação profissional é realizada na própria empresa em que o profissional trabalha. É a forma como uma empresa, um órgão público, etc., prepara seus funcionários para desenvolverem determinadas atividades com certa autonomia. Basicamente, a capacitação é uma responsabilidade da área de Recursos Humanos, que se encarrega de elaborar formas de aprendizados para qualificar e preparar os funcionários para lidar com os desafios que a empresa ou organização tiver que enfrentar e vencer. Esse processo costuma ser chamado "gerenciamento de formação".
Juntas, a capacitação e a qualificação formam a base para a verdadeira formação do profissional. A capacitação impulsiona seu desenvolvimento contínuo por meio do aprimoramento de suas habilidades e capacidades técnicas, emocionais e comportamentais. A qualificação o torna apto a lidar com problemas, desenvolver soluções e até criar mais oportunidades para si mesmo. 

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

O Significado de "Top"

É uma das palavras
mais usadas 
nas redes sociais.
É conveniente
usá-las em redações
nas provas?


"Top" significa "topo", "ápice", "altura máxima". É muito usada na expressão "on the top" ("no topo"), uma forma de expressar algo ou alguém que está em destaque quanto à popularidade, ao sucesso, etc. Ultimamente vem sendo muito utilizada nas redes sociais online. No Facebook, por exemplo, quando alguém gosta muito de uma postagem (texto, foto ou vídeo), expressa isto no espaço para comentários digitando apenas a palavra "top".
A palavra aparece em expressões como, por exemplo, "top model", para se referir à (ou ao) modelo profissional - uma pessoa que exibe e promove principalmente peças de vestuário ou posa para fotografias e obras de arte e está no auge do sucesso em sua carreira. "Top" também pode ser uma camisa regata, mas quando alguém se refere a "uma camisa top", pode estar tentando dizer que é uma camisa muito bonita, muito elegante, etc.
Como forma de se expressar popularmente, a palavra "top" pode ser usada num bate-papo, numa postagem no Facebook, numa comunicação interfamiliar ou entre amigos. Numa redação feita numa prova (Enem, vestibular, concurso público, etc.), convém evitá-la. O mesmo conselho serve para redações em relações de trabalho, comercais e em todas as situações que rerquerem um bom nível de formalidade.

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

"Fake News" podem ser temas para redação no Enem 2018.

A expressão "Imprensa Marrom"
foi substituída 

pela expressão "Fake News".
Este ano, principalmente por causa das eleições, as "fake news" ou "notícias fake" têm ocupado grandes espaços nas redes sociais online e em meios de comunicação como o WhatsApp e o Messenger. Até há alguns anos, as notícias falsas ou sensacionalistas eram conhecidas como "imprensa marrom". "Fake News" é mais uma dessas expressões da língua inglesa que cada vez mais estão sendo introduzidas no nosso vocabulário popular, principalmente quando se trata de algo relacionado à comunicação via Internet, e as influências que elas causam, os intensos debates e as críticas contra elas as tornam um tema com grande possibilidade de ser sugerido para as redações do Exame Nacional de Ensino Médio deste ano.
"Imprensa marrom" foi uma expressão que começou a ser muito usada na década de 1970. Refere-se à distribuição deliberada de boatos, informações mal interpretadas e também informações falsas via jornais, revistas, televisão, rádio e, agora, também via Internet. Atualmente as expressões mais usadas para isto são "fake news" e "notícias fake". Essas informações são compartilhadas por pessoas que simplesmente acreditam nelas, mas criadas e manipuladas através de postagens feitas por alguém que as tenha interpretado equivocadamente ou tenha a real intenção de difamar alguém ou alguma organização. No Messenger e no WhatsApp, elas vem acompanhadas de alertas sensacionalistas, tais como "Urgente! Todos os seus amigos precisam saber disto.", "Veja este vídeo antes que ele seja excluído.", etc. Na maioria dos casos o conteúdo é falso.
O acesso fácil a anúncios online também contribui muito para a divulgação de informações falsas. Por isto, é necessário que o internauta tenha o máximo cuidado antes de clicar em anúncios. A quantidade de sites de notícias, anonimamente hospedados, veiculando notícias falsas, cresce muito, e as pessoas que compartilahm essas informações dizem, às vezes: "não sou autor da informação, ela está no site tal", mas quem compartilha divulga a informação e se torna culpado por isto. 

Fato Público e Notório

Os problemas causados pela poluição ambiental são fatos públicos e notórios.  Isto não é  uma redundância.  Muita gente considera ...