Caros leitores:

Constantemente faço modificações no Redafácil porque elas sempre são necessárias, inclusive para facilitar o acesso às postagens e a leitura. Suas opiniões e suas sugestões são muito importantes para mim. Vocês podem expô-las nos espaços para comentários abaixo das postagens.

Grato pela sua colaboração.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Uso da Palavra "Sofrência" em Redação

Ilustração: As Dúvidas do Filosofino
É melhor evitá-la.

Numa prova como o Exame Nacional de Ensino Médio, num vestibular ou num concurso público, o uso da palavra "sofrência" pode ser aceito ou não. Isto dependerá do critério dos corretores. Como nessas redações é recomendado o uso de linguagem não muito informal, é melhor evitá-la. 
Numa conversa entre amigos ou em qualquer outra situação informal, o uso desta palavra não causa problema algum. Entretanto, como "sofrência" é um neologismo, deve ser evitada em redações, principalmente nas provas. "Neologismo" é o nome que se dá a uma palavra ou expressão recém criada ou a um novo significado para uma palavra já existente. Em qualquer dessas situações, exatamente para não causar interpretações equivocadas, recomenda-se que os neologismos sejam sempre evitados em situações formais e nas redações.
"Sofrência" é um neologismo surgido da junção das palavras "sofrimento" e "carência" com significado semelhante ao da expressão "dor de cotovelo". Pode ser entendida como um estado de espírito causado por uma traição, uma decepção num relacionamento amoroso, tristeza por um amor não correspondido ou simplesmente sofrimento por qualquer razão. Por ser uma palavra surgida recentemente, não se encontra em dicionários, o que significa que ainda não é oficialmente considerada gramaticalmente aceita. Portanto, numa redação, é melhor evitá-la.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!