Caros leitores:

Constantemente faço modificações no Redafácil porque elas sempre são necessárias, inclusive para facilitar o acesso às postagens e a leitura. Suas opiniões e suas sugestões são muito importantes para mim. Vocês podem expô-las nos espaços para comentários abaixo das postagens.

Grato pela sua colaboração.

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

A Expressão na Redação

Enquanto falamos,
nossos gestos e olhares
complementam a mensagem.
Na redação,
é preciso suprir
a falta destes recursos.
Numa redação,
não podemos contar
com os mesmos recursos
que usamos enquanto falamos. 

Em outros artigos expostos aqui, eu disse que redigir é uma atividade que exige domínio de capacidades linguísticas. É importante frisar isto porque a linguagem escrita não conta com os mesmos recursos da linguagem falada. Nunca diga "eu escrevo do mesmo jeito que eu falo", pois ninguém consegue isto.
Quando você fala, você não percebe, mas gesticula-se bastante, modifica o tom da voz dependendo do que quer expressar, as feições do rosto e o olhar combinam com o que você diz, etc. Na escrita você não conta com esses recursos. Por isto a linguagem escrita precisa ser mais clara, mais definida, mais elaborada do que a falada. Quem fala, mesmo através do rádio, da televisão, etc., não vê quem ouve mas sabe que os ouvintes constituem um público definido. Quem faz uma redação numa prova, por exemplo, não tem a menor ideia de quem serão as pessoas que a lerão. Por isto há grande necessidade sobre o uso das expressões mais adequadas. 
Quando conversamos com alguém ou falamos para um grupo de pessoas, estas nos ouvem imediatamente. Quando escrevemos, o que será dito no texto será lido mais tarde ou outro dia. Ou seja: a redação, especialmente num concurso público, num vestibular ou num Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), tem um caráter impessoal e não será lida imediatamente. Essa impessoalidade e esse desligamento do tempo fazem com que a mensagem escrita seja mais fixa do que a falada. É por isto que a estrutura e a composição de cada parágrafo têm que ser elaboradas da melhor forma possível para se relacionar com as ideias contidas na redação. 
Observe que eu me referi a "ideias", não a uma ideia. Isto porque toda ideia contida numa redação é o conjunto de outras ideias sendo cada uma destas contida num parágrafo. Também a ideia contida num parágrafo resulta do conjunto de ideias nas frases. É possível expressar ideias diferentes num mesmo parágrafo desde que, reunidas numa sequência correta, elas fornem uma mesma ideia. Por extensão, o mesmo ocorre quando se reúnem as ideias expressas nos parágrafos para formar a ideia expressa na redação.

Foto: Arquivo Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!