O site Collegezoom indicou várias postagens do Redafácil a seus visitantes. Veja a lista clicando no link "Site Collegezoom", logo abaixo, à direita da tela (na direção da sua esquerda).
Grato ao Collegezoom por esta honra.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

"Posso fazer uma redação sobre mim mesmo?"

Ilustração: Arquivo Google
Esta é
uma das perguntas
mais frequentes
dos leitores.


Geralmente, no Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), nos vestibulares e em concursos públicos, os temas para redação são propostos nas provas. No entanto há ocasiões em que são "temas livres". Nestes casos um dos principais objetivos é avaliar o domínio do idioma nacional ou estrangeiro através da escrita. Num processo seletivo, quando  o tema é "livre", isto não significa que o autor da redação possa escolher o tema que quiser. O objetivo é dar a ele a oportunidade de mostrar sua capacidade de escolher o tema que ele mesmo considera o mais adequado para a ocasião. É a oportunidade para mostrar seu nível de conhecimentos profissionais escolhendo o tema mais apropriado para o cargo almejado. 
Numa situação assim, se você quiser escrever sobre si mesmo, faça isto destacando seus conhecimentos profissionais ou sobre o cargo a ser conseguido. Aproveite a oportunidade para destacar valores, expor conceitos, revelar seus desejos profissionais e suas expectativas. Desta forma os selecionadores poderão obter de você um perfil condizente com o que eles esperam de um candidato à vaga oferecida. 
Como eu já disse anteriormente, o tema livre não é necessariamente uma permissão para você fazer uma redação sobre o que quiser. É um recurso que muitos selecionadores usam para observar a criatividade do concorrente à vaga oferecida quanto à escolha do tema mais apropriado. Também tem como objetivo fazer com que o candidato demonstre segurança quanto ao que escreverá. 
Uma redação sobre si mesmo(a) é uma faca de dois gumes. Pode ajudar ou prejudicar o candidato. Falar sobre suas próprias habilidades é fácil, mas comprová-las nem sempre é tão fácil assim. Há o risco de incluir no texto habilidades que você pensa que tem mas talvez não tenha, e os selecionadores são sempre suficientemente experientes para perceber casos assim. Em casa, como treinamento, faça redações somente com informações verdadeiras e facilmente comprováveis.
Se você deseja outras "dicas", há muitas neste blogue. Basta digitar no espaço para pesquisas o que procura. Se não encontrar o que deseja, faça sua solicitação no espaco para comentários. Terei prazer em lhe ajudar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!

Estudar não é apenas se preparar para provas.

"O Enem já está próximo. O que faço a partir de agora?" Frequentemente a estudantes fazendo perguntas como esta. Nos prog...