Caros leitores:

Constantemente faço modificações no Redafácil porque elas sempre são necessárias, inclusive para facilitar o acesso às postagens e a leitura. Suas opiniões e suas sugestões são muito importantes para mim. Vocês podem expô-las nos espaços para comentários abaixo das postagens.

Grato pela sua colaboração.

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Conectivos ou Elementos de Conexão

Estudantes costumam 
prestar pouca atenção neles,
o que é um grande erro.


A importância dos conectivos numa redação se justifica por uma razão bem simples: sem um conectivo, que é também chamado de "elemento de conexão", não pode haver conexão. Entretanto, poucos estudantes lhes dão a devida atenção e, por isto, fazem conexões inadequadas. Quem usa a internet já está super acostumado a ouvir dizer e ler que "a internet é um elemento de conexão entre você e o mundo". Isto ajuda muito a entender com facilidade o que um conectivo ou elemento de conexão numa redação: é a palavra ou expressão que que liga uma palavra ou expressão anterior a uma palavra ou expressão posterior. No próprio nome "elemento de conexão", a palavra "de" é um conectivo entre as palavras "elemento" e "conexão". 
Expliquemos isto de forma mais simples:
Um conectivo ou elemento de conexão é uma palavra que estabelece uma conexão entre outras duas palavras, expressões ou mesmo entre duas frases. Já citei acima um exemplo de conexão usado simplesmente entre duas palavras, mas há outros um pouco mais complexos. Por exemplo, eu poderia dizer simplesmente "João chegou". Entretanto, posso também dar uma informação mais detalhada: "João chegou para participar da reunião." Neste caso, a palavra "para" - que, como vocês já sabem, é uma preposição - assume a função de conectivo. 
É preciso estar atento para o fato de que há quatro classes de palavras que funcionam como conectivos. 
  • Conjunções:
    "Viajarei hoje à tarde e não sei quando voltarei."
    "João e Maria".
    "Pão de trigo".
    "O relógio de Pedro é bonito e moderno."
  • Verbos de ligação:
    "O relógio de Pedro é bonito e moderno."
    "A rua estava deserta."
  • Pronomes relativos:
    "O racismo é um problema que tem sido muito debatido."
    "O dinheiro que eu recebi..."
    "O filme é aquele sobre o qual eu lhe falei."
  • Preposições:
    "Hoje eu irei à cidade." - lembrando que "à" é a junção do "a" como artigo definido com o "a" como preposição.
    "O parque oferece passeios a cavalo aos turistas."
    "Eu trouxe este livro para você."
Lembre-se de que a conjunção, ou seja, a conexão, pode ser coordenante ou subordinante. É coordenante quando todos os elementos envolvidos tem mesmo valor e mesma função, promovendo entre eles uma coordenação. É subordinante quando há um elemento secundário, dependente do principal. Exemplos:

  • "Hoje eu irei à cidade". Se eu disse que irei, tenho que dizer aonde, para completar a informação. Portanto, a parte "Hoje eu irei" é dependente de "cidade". Neste caso, o conectivo "à" faz uma conjunção subordinante.
  • "Eu trouxe o livro para você." Fiz questão de dizer que eu trouxe o livro para você. No entanto, poderia simplesmente dizer "Eu trouxe o livro." Neste caso, uma parte da frase não depende da outra. A conjunção é, portanto, coordenante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!