O site Collegezoom indicou várias postagens do Redafácil a seus visitantes. Veja a lista clicando no link "Site Collegezoom", logo abaixo, à direita da tela (na direção da sua esquerda).
Grato ao Collegezoom por esta honra.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Pais e Mães Precisam Ajudar Crianças a Aprender Redação

Isto é possível
e é muito importante. 


Os pais e as mães precisam atuar em parceria com os professores para que as crianças aprendam e desenvolvam com mais facilidade principalmente os níveis de redação. Foi assim que aconteceu comigo; portanto digo isto por experiência própria. Desde cedo meus pais sempre me incentivsram a ler muito e isto fez com que eu aprendesse a escrever com grande facilidade. 
Aprender a escrever é o primeiro passo para aprender a redigir. De uma forma mais ampla, aprender a redigir é aprender a escrever melhor. Neste sentido, a colaboração dos pais e das mães se torna extremamente importante desde que isto ocorra em sintonia com os trabalhos dos professores. A escola tem a obrigação de intervir de forma adequada na educação das crianças, mas o processo de aprendizagem, por ser parte importantíssima da educação, tem sua parte mais importante na relação entre os adultos e as crianças em casa. Essa parte mais importante inclui a aprendizagem de leitura e escrita, que significa o início da aprendizagem de interpretação de textos e de redação. 

É por isto que Priscila Fernandes, coordenadora de um programa de educação infantil do Instituto C&A, diz que é muito importante que pais e mães conheçam e confiem na metodologia pedagógica da escola. Em casa, não basta apenas usar papel e lápis ou caneta para ensinar a criança a escrever. É preciso conversar com o professor ou a professora da criança antes disto para saber o que pode ser feito em casa. Ensinar uma criança a ler e a escrever não é somente obrigação da família ou da escola, é algo que tem que vir de uma parceria entre a família e a escola. 
É fácil entender a necessidade dessa parceria. O professor é um profissional em educação, mas esta tem que começar em casa. Como educação é algo que inclui tudo que se refere à perspectiva de um futuro melhor para seus filhos ou suas filhas, a família precisa entender que seu papel é fundamental na aprendizagem de redação das crianças. Mesmo que os adultos da família (pai, mãe, tios, tias, etc.) tenham que se dedicar a seus empregos e outras ocupações, é fácil ajudar as crianças. Seguem algumas dicas. 
Deixem livros, revistas, tudo que tiver textos, ao alcance das crianças mesmo que elas ainda não saibam ler. De vez em quando leiam histórias para elas. Incentivem nelas, já bem cedo, a vontade de aprender a ler e a cultivar o hábito da leitura. A vontade de aprender a ler causa a vontade de ter mais contato com as palavras, o que leva à vontade de aprender a escrever. 
Deixem as crianças tentarem escrever mesmo que elas ainda não saibam. Se a criança fizer um rabisco e disser que escreveu, pergunte-lhe o que está escrito. Abaixo do rabisco, anote a resposta que a criança lhe der e guarde isto. Jamais diga à criança que não se escreve daquele jeito nem tente lhe ensinar como se escreve. Apenas escreva e depois mostre à criança para ela, desta forma, associar, aos poucos, as letras às palavras e estas ao que ela quis escrever. É um processo que leva tempo e requer paciência, mas funciona e é um primeiro passo importantíssimo para mais tarde facilitar a aprendizagem em redação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!

Estudar não é apenas se preparar para provas.

"O Enem já está próximo. O que faço a partir de agora?" Frequentemente a estudantes fazendo perguntas como esta. Nos prog...