Caros leitores:

Constantemente faço modificações no Redafácil porque elas sempre são necessárias, inclusive para facilitar o acesso às postagens e a leitura. Suas opiniões e suas sugestões são muito importantes para mim. Vocês podem expô-las nos espaços para comentários abaixo das postagens.

Grato pela sua colaboração.

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Artigo do Redafácil é indicado entre "Os 10 mais interessantes".

Escrever cada vez mais ajuda a ler cada vez melhor.
Pais e mães
devem incentivar
filhos e filhas

a lerem muito
para no futuro
Ler cada vez mais - e desde o mais cedo possível -
ajuda a escrever cada vez melhor.
eles escreverem bem.


O Redafácil está chegando ao final de seu quinto ano de atividades recebendo mais um belo presente. Desta vez foi Luciana Rodrigues quem o presenteou. Assim como eu, ela acredita que "todos podem transformar suas ideias em redações persuasivas e eficientes". Em seu site "Refinando a Escrita" Luciana expõe esse pensamento com maior clareza e de forma bem concisa e sucinta em todas as postagens.
Luciana apresenta uma lista do que ela considera como os "Dez Artigos Interessantes que Vão Turbinar Sua Escrita". Quanto ao "Redafácil", ela conta que o blog foi criado em 2010 visando apresentar dicas fáceis para redação. É verdade, e o Redafácil completará seis anos no dia 9 de janeiro de 2016 - ou seja, já no próximo mês. Ela também diz que eu ressalto que as dificuldades entre interpretar textos e em redigir estão intimamente relacionadas entre si. Realmente, estou cada vez mais convencido disto, inclusive porque, nos resultados do Enem, percebe-se que os alunos que obtêm notas baixas em redação também obtêm notas igualmente inferiores em interpretações de texto.
Eu tive a honra de ver um dos meus artigos - "Enem 2015: para fazer uma boa redação será necessário melhorar em interpretação de texto." - citado no "Refinando a Escrita" como um dos dez mais interessantes para ajudar os interessados em melhorar seus níveis de redação. Escrevi esse artigo buscando atender a alunos que estavam se preparando para participar do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) deste ano. Porém acho que os mesmos conselhos que ele contém são muito importantes para pessoas que se preparam para vestibulares, concursos públicos e mesmo para a vida, independentemente de participações em provas. Afinal, tanto a melhoria da leitura como a melhoria na redação são importantíssimos para fazermos melhor tudo que diz respeito à vida, especialmente no campo profissional - seja qual for a profissão. 
Estou cada vez mais convencido de que esse preparo tem que começar principalmente em casa, quando a criança já estiver começando a aprender a ler as primeiras palavras. Os pais e, sempre que for possível, os demais membros da família (tios, tias, avôs, avós, etc.) têm que assumir a importantíssima função de prepará-las para isto. Devem incentivar muito as crianças a ler e a escrever. Mas geralmente vem a dúvida: incentivá-las a ler o quê? Eu tenho uma sugestão: procurem livros que, ao mesmo tempo, tragam um tipo de leitura que traga a aprendizagem e o entretenimento ao mesmo tempo para as crianças. Eu sugiro, por exemplo, "Descobrindo o Valor das Coisas", de Gustavo Cebasi e Maurício de Souza. Maurício, como as pessoas no Brasil inteiro sabem, é o criador de personagens de histórias em quadrinhos como Mônica, Cebolinha, etc. Gustavo Cebasi é um dos mais renomados economistas do Brasil. Juntos, neste livro, eles ensinam as crianças sobre a importância de reservar dinheiro para as coisas mais importantes. Isto se chama "educação financeira". Para saber mais sobre o livro, clique aqui. Para saber mais sobre educação financeira, convido vocês a lerem outro artigo que escrevi a respeito: "Educação Financeira: a aprendizagem para economizar tem que começar na infância.".


Fotos: Arquivo Google.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!