O site Collegezoom indicou várias postagens do Redafácil a seus visitantes. Veja a lista clicando no link "Site Collegezoom", logo abaixo, à direita da tela (na direção da sua esquerda).
Grato ao Collegezoom por esta honra.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

A Objetividade na Redação

Uma redação
pode ocupar 
três ou mais páginas
e, ainda assim,
ser objetiva.


Muitos professores de Língua Portuguesa exigem que seus alunos façam redações objetivas em poucas linhas. Entretanto a objetividade de um texto não está relacionada ao tamanho do mesmo. Um texto que ocupe várias páginas de uma revista não perde sua objetividade por causa disto. O texto é objetivo quando o leitor percebe que ele é resultante de observações do autor que podem até revelar suas opiniões pessoais, desde que isto seja feito com clareza para o leitor.
Isto quer dizer que, numa redação, a objetividade se verifica pela forma em que o redator expõe ideias ou informações da maneira mais explícita possível,  e escritas da forma mais adequada possível para a finalidade da redação, mantendo a escrita correta. 
Em epistemologia, o conceito de objetividade se relaciona à clareza com que a informação é dada e percebida por quem a recebe. No caso de uma redação, o conceito é o mesmo, considerando a objetividade como a forma pela qual o texto representa as ideias ou as informações do autor. Isto depende do conhecimento do autor em relação ao tema abordado e da relação entre as informações contidas no texto. É claro que é preciso considerar também a capacidade de escrita quanto à ortografia e às regras gramaticais em geral e à capacidade do leitor interpretar o texto corretamente. Portanto, uma redação pode ocupar várias páginas e manter a objetividade e pode ocupar cinco, dez linhas, sem ser objetiva. 

Um comentário:

Obrigado pela sua participação!

Estudar não é apenas se preparar para provas.

"O Enem já está próximo. O que faço a partir de agora?" Frequentemente a estudantes fazendo perguntas como esta. Nos prog...