Caros leitores:

Constantemente faço modificações no Redafácil porque elas sempre são necessárias, inclusive para facilitar o acesso às postagens e a leitura. Suas opiniões e suas sugestões são muito importantes para mim. Vocês podem expô-las nos espaços para comentários abaixo das postagens.

Grato pela sua colaboração.

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Livros com ilustrações demais prejudicam aprendizagem da escrita.

As ilustrações
devem valorizar as palavras, 
não substituí-las.

A ilustração acima mostra exemplos em que as ilustrações em livros didáticos cumprem corretamente suas funções. Elas ajudam as crianças a associarem os textos às imagens. No entanto há muitos livros infantis com ilustrações demais e textos muito reduzidos. O pior é que muitos destes são publicados como didáticos. 
Geralmente os livros nessas condições são destinados a crianças em fase de alfabetização. Isto acontece porque muitos profissionais em educação acreditam no velho ditado que diz que uma imagem vale mais do que mil palavras. 
Uma ilustração vale muitas palavras, mas num livro didático para crianças ou para estudantes em qualquer nível de ensino a ilustração deve ser um exemplo a ser associado a uma palavra ou a uma parte do texto. Esta geralmente vem como legenda, situada abaixo ou ao lado da ilustração que pode ser uma fotografia ou um desenho. Há também os infográficos, que são ilustrações com textos explicativos curtos dentro do campo desenhado. Estes são muito comuns em manuais. 
Algumas pessoas alegam que o número muito grande de ilustrações atrai mais as crianças e os adolescentes e citam como prova disto o sucesso que as revistas de histórias em quadrinhos fazem sempre entre eles. É preciso lembrar que as histórias em quadrinhos têm muitas ilustrações e pouco texto porque seu objetivo é destacar os diálogos entre os personagens. Num livro didático, o objetivo principal das ilustrações é facilitar a compreensão do texto, tornando a leitura menos enfadonha. O texto não deve ser muito longo nem reduzido de mais. Especialmente para as crianças, um dos objetivos principais de todos os livros didáticos deve ser ajudá-las a adquirir e desenvolver o gosto pela leitura e pelo hábito de escrever. Isto significa que devem contribuir para facilitar a interpretação de textos e a capacidade de redigir. A iniciativa de reduzir muito os textos e ampliar espaços ocupados por ilustrações contribui para aumentar a indisposição para ler e para escrever. Portanto as ilustrações devem - como a palavra "ilustração" já indica - ilustrar o texto, não para substituir as palavras, as quais são necessárias para que os alunos não percam contatos com elas. A permanência do contato com as palavras escritas é crucial psra que eles não esqueçam como se escrevem as que já conhecem e aprendam a ortografia e os significados das que não conhecem. Isto é muito importante para que eles melhorem seus níveis de interpretação de textos e de redação. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!