Caros leitores:

Constantemente faço modificações no Redafácil porque elas sempre são necessárias, inclusive para facilitar o acesso às postagens e a leitura. Suas opiniões e suas sugestões são muito importantes para mim. Vocês podem expô-las nos espaços para comentários abaixo das postagens.

Grato pela sua colaboração.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Metonímias podem melhorar muito uma redação.

Esta fotografia representa uma metonímia. 
A metonímia 
é forma de linguagem figurada
que pode ser representada
em imagens ou palavras. 


Em redações como as que os estudantes tem que produzir no Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) ou como as que tem que ser feitas por candidatos a empregos em concursos públicos, elas são recursos que podem ajudar muito. Entretanto, é preciso conhecer as diferenças entre metonímias e metáforas. Uma metáfora é uma palavra ou uma expressão usada com significados diferentes para se transmitir uma mensagem bem nítida. 
Um exemplo de metáfora bem conhecido:
"Estamos todos no mesmo barco."
Sabemos que o "barco", neste caso, não é um veículo de navegação, é uma palavra com significado de "problema" ou "situação". A metáfora aqui citada significa que estamos todos com um mesmo problema ou tendo que enfrentar uma mesma situação. 

Uma metonímia é a substituição de uma palavra ou expressão já usada anteriormente por outra palavra ou expressão para evitar repetições desnecessárias, mantendo-se a relação de semelhanças entre seus reais significados. Exemplos:
  • O governo federal determinou o retorno da cobrança do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). A medida foi confirmada pelo próprio governo brasileiro.
  • A imprensa em quase todo o mundo descreve a indústria cinematográfica dos Estados Unidos como a mais importante do mundo. De fato, ao longo de muitos anos, Hollywood tem registrado sucessos de bilheteria mundial inegáveis.
No primeiro exemplo, "governo brasileiro" substitui a expressão "governo federal" mantendo o mesmo significado. No segundo, "Hollywood" é um distrito de Los Angeles, no estado da Califórnia, conhecido mundialmente como a "Capital do Cinema", o que torna seu nome em ótimas condições para assumir o mesmo significado de "indústria cinematográfica dos Estados Unidos". 
A metonímia é usada para evitar repetições de palavras, mas também é a utilização de palavras ou expressões diferentes porque há entre elas uma relação de dependência dentro do contexto. Há uma contiguidade entre o termo utilizado anteriormente e o que o substitui. "Contiguidade" é uma relação de semelhanças entre duas ou mais palavras quanto aos seus significados para se completar uma informação ou uma ideia. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!